Câmara de Sorocaba homenageia líder sindical Márcia Viana

Dirigente da CUT São Paulo tem importante atuação no ramo de vestuário

Por: Redação CUT/SP

 

Em sessão solene na Câmara Municipal de Sorocaba, a secretária-geral do Sindicato dos Trabalhadores no Vestuário de Sorocaba e Região, Márcia Viana, que também está à frente da pasta da Mulher Trabalhadora da CUT São Paulo e da Secretaria de Comunicação da CNTRV, recebeu a Medalha Ana Abelha.

A homenagem à líder sindical foi instituída pelo Decreto Legislativo nº 1588/2018. O prêmio é dado anualmente a mulheres empreendedoras que se destacam em suas áreas ou têm papel relevante na vida pública do município.

“Dedico a todas as trabalhadoras guerreiras que doam as suas vidas para a construção de uma sociedade melhor. Enquanto tivermos mulheres morrendo pelas mãos de seus parceiros ou de outras maneiras, não estaremos sossegadas. A nossa tarefa é construir um mundo mais justo e igualitário entre homens e mulheres e a nossa missão é ir para as ruas e para as portas das fábricas, conscientizar o povo e cobrar o papel do poder público”, disse Márcia, após receber o prêmio das mãos da vereadora Iara Bernardi (PT), na noite de quinta-feira (16).

Casada e mãe de dois filhos, a dirigente divide seu tempo entre a militância e a vida familiar. Para ajudar a sua família, a dirigente começou a trabalhar aos 15 anos no setor de confecção.

“Desde que comecei a trabalhar, a imagem de mulheres carregando seus filhos no colo pela madrugada, para deixá-los na casa de alguém enquanto trabalhavam na fábrica, me fez entender as dificuldades das trabalhadoras, com dupla ou tripla jornada. A árdua luta para manter suas famílias quando, muitas vezes, o companheiro não se fazia presente. Realidade ainda muito presente”, lembra.

Márcia começou atuar ainda jovem no movimento. Em 1989 foi convidada a participar da direção do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Sorocaba e Região, onde exerceu a presidência por quatro mandatos, de 1998 até 2014. Atualmente é secretária-geral da entidade.

Em 2009, assumiu a Secretaria de Relações Internacionais da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Vestuário (CNTRV-CUT). E, em 2013, a Secretaria de Comunicação da confederação, tendo sido reconduzida ao cargo no 10º Congresso do Ramo para o quadriênio de 2015-2019.

Hoje é também secretária-geral do Banco de Alimentos de Sorocaba (BAS), iniciativa criada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e outros parceiros com o intuito de reduzir o desperdício de alimentos e ajudar no combate à fome no município e em cidades do entorno. Atualmente, o BAS arrecada, higieniza e distribui cerca de 50 toneladas de alimentos por mês à população carente.

Aos 49 anos, formada em Gestão Pública pela Universidade Metodista de São Paulo e pós-graduada em Gestão de Políticas Públicas pela Fundação Perseu Abramo, Márcia tem convicção de seu papel.

“Tenho certeza que somente a organização e a luta nos farão avançar. Muitas companheiras que lutaram para nos dar uma melhor condição de vida e de trabalho me inspiram em minha caminhada. Carrego comigo este compromisso junto à nova geração em defesa dos direitos e da democracia”, conclui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s