MG: Por meio da negociação coletiva, Sindicavespar garante direito revogado pela Reforma Trabalhista

 Homologações continuarão sendo feitas no Sindicato –

Por: Redação CNTRV –

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Calçados e Vestuários de Pouso Alegre e Região, SINDICAVESPAR, garantiu, por meio da negociação coletiva, um direito revogado pela Reforma Trabalhista. O Acordo, assinado no último dia 18 com a empresa Adient, localizada no município de Pouso Alegre/MG, beneficiará cerca de 900 trabalhadores e garante que as homologações continuem sendo feitas no Sindicato. A Reforma Trabalhista retira este direito dos trabalhadores e das trabalhadoras e possibilita que as rescisões sejam realizadas sem nenhum tipo de fiscalização.

O Acordo referente à Campanha Salarial 2017/2018 conquistou ainda a reposição integral da inflação e aumento real. Além disso garantiu a manutenção de todos os direitos contidos no Acordo anterior. O pagamento do reajuste será retroativo à 1.º de agosto, data-base da categoria.

 

Homologações: falta de fiscalização promoverá calote

A Reforma Trabalhista que entra em vigor no dia 11 de novembro revogou o direito histórico dos trabalhadores em realizar a homologação com fiscalização garantida pelo Sindicato ou pelo Ministério do Trabalho, autorizando que o chamado “acerto” seja feito na sede da empresa sem o acompanhamento de um dirigente sindical ou profissional especializado.  Sindicalistas, advogados e a própria Justiça do Trabalho criticam a nova regra e preveem o aumento do calote das verbas rescisórias.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s