INSS: Temer prevê corte de 4 milhões de benefícios

Em Portaria da Presidência da República, publicada na última sexta-feira (5), o governo ilegítimo de Michel Temer convocou os aposentados por invalidez para nova perícia médica. Como já anunciado por sua equipe econômica, Temer poderá revogar cerca de 4 milhões de benefícios entre aposentadorias por invalidez e auxílios-doença. O intuito do governo golpista é economizar R$ 7,1 bilhões por ano às custas dos trabalhadores mais

Para Cida Trajano, presidenta da Confederação Nacional dos Trabalhadores/as no Ramo Vestuário da CUT (CNTRV), a medida prejudicará a parcela mais vulnerável dos beneficiários. “Não há dúvida que os trabalhadores mais carentes e com menor acesso ao sistema judiciário serão os mais prejudicados, pois eles não poderão pagar advogado caso suas aposentadorias sejam cortadas”, prevê a sindicalista.

Para conhecer a Portaria na íntegra, acesse o link:

http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=05/08/2016&jornal=1&pagina=34&totalArquivos=156